Cursos online Faça um curso online com certificado
Cursos online Passo a passo para lembrancinhas

PESQUISE - USE PALAVRAS SEM ACENTO

Custom Search

terça-feira, 24 de abril de 2012

0 blogger

Qual as vantagens e desvantagens do uso da chupeta?



chupeta é um assunto polêmico entre os pais. Alguns afirmam que depender dela é um mau hábito das crianças. Outros acreditam que o objeto ajuda o bebê a sentir mais seguro. Afinal, seu filho precisa mesmo de chupeta?
A resposta é: depende. Os especialistas recomendam observar o comportamento do recém-nascido para avaliar a necessidade real. Após a mamada, o bebê continua procurando algo para sugar? Ele tem cólica? Fica muito irritado e é difícil acalmá-lo? Se você respondeu sim a uma dessas perguntas, seu filho é candidato a tirar proveito da chupeta. Tenha apenas o cuidado de esperar algumas semanas até que a amamentação esteja bem estabelecida.
Uma vez que optou pela chupeta, surge outra questão: até quando? Três ou quatro meses seriam uma boa opção. A necessidade intensa de sugar de alguns bebês tende a diminuir por volta desse período, assim como as cólicas. Note que nessa fase eles costumam cuspir a chupeta e não reclamam quando ela cai. Essa é a chance de fazer com que seu filho a abandone. Deixe de oferecê-la e veja como reage. Tire-a aos poucos - e não se incomode em permiti-la novamente por um dia se ele sentir vontade.
Se o bebê continua com a chupeta, é provável que aos 6 ou 7 meses desenvolva uma dependência e que ela se estenda até 1 ou 2 anos. Nesse caso, a chupeta deixa de ser uma necessidade física - suprir o instinto de sugar - e passa a ser um objeto que traz conforto quando ele está cansado.
Esse costume possui vantagens e desvantagens:
·  Ele acalma a criança.
· O uso diminui a possibilidade de vir a chupar o dedo - vício bem mais difícil de tirar e que, segundo os especialistas, causa mais danos aos dentes.
· O bebê acorda quando a chupeta cai da boca.
· Você pode estar utilizando-a como recurso para calar o bebê sem descobrir o verdadeiro motivo do incômodo. Não se esqueça de que há técnicas mais apropriadas para acalmá-lo, como ninar ou abraçar.
· A criança que está sempre com a chupeta perde a oportunidade de colocar os brinquedos na boca, maneira importante de explorar o mundo nessa fase.
· Se você se preocupa muito com a higiene, a chupeta pode ser mais uma fonte de transtornos.
Seja qual for a opção, o ideal é que o costume seja abandonado antes da chegada dos dentes definitivos, por volta dos 5 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu recadinhooooooooooo!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Digite seu email e receba nossas dicas!